Duemilanove

A escassas horas da apresentação

Nesta altura já tinha sido feito tudo o que estava ao meu alcance, no que dizia respeito ao hardware para o bicopter. Só faltava afinar alguns pormenores na app Android para controlo. Claro que se não fosse a ajuda do Rafael (@metalweirdo), ainda hoje estaria às voltas com a aplicação. Completamente minado pelo RedBull, estava mentalizado de que a apresentação iria ser um fracasso, no ponto de vista de ‘não voo’, e focando-me apenas na informação de explicar o que é que correu mal e como resolver os problemas que foram detectados.

Versão pré-final

Final de Setembro de 2011, já estava decidido o aspecto da coisa. Erros desta escolha de montagem: giroscópio longe do centro de gravidade desiquilibrio na montagem dos motores pouca massa do conjunto

Testes funcionais

Em meados de Setembro, já tinha todos os blocos prontos no que diz respeito às partes lógicas do bicopter. Nesta foto, já estava decidido a forma de como iria proceder à montagem dos motores e respectivos servos. Os testes estavam a ser feitos com o meu Arduino Duemilanove, pois não fazia ainda sentido ligar tudo de forma definitiva. 2011-09-19     Esta montagem tinha duas das peças mais intricadas que eu fabriquei até à data, tudo feito manualmente sem recurso a torre de furação, nem a torno.