chegou a hora do adeus

após quatro anos, dez mil, setecentos e dezassete quilómetros, das peripécias das operações stop, do stress que é tratar de documentação neste país, e de muito mais problemas e chatisses pelo meio, vou deixar de circular com a minha scooter.

o calculo das poupanças serviu para verificar que o investimento numa scooter compensa, quando comparado com circular de carro. e este calculo ocorre a todos os níveis, custo inicial do veiculo, custo do seguro, do selo de circulação (do qual a minha scooter está isenta) e principalmente nos consumos (3.5lts/100).

sem referir demasiadamente o fim do stress passado nas filas de transito, tudo ajuda de facto para uma consideravel melhoria na minha qualidade de vida, no que diz respeito à circulação na estrada.

foram algumas as quedas, uma vez sem combustível e algumas reparações de monta. mesmo assim, o prazer de circular com ela foi imenso e confesso que, apesar de ir passar para uma scooter bem melhor, irei certamente sentir saudades desta.

((/b/public/.AR50-front_s.jpg|Rally50-1|C|Rally50-1, _Jun 2009))

%%%

((/b/public/.AR50-back-masked_s.jpg|Rally50-2|C|Rally50-2, _Jun 2009))

%%%

farewell, my trusted friend!

categorias: coisas da minha mona,