a incompetencia

diz o ditado que os incompetentes vão sendo promovidos até chegarem ao posto que menos estragos causa, a chefia…

embora possa concordar com o ponto de vista técnico, não concordo no panorama geral. como raio é que um incompetente chega a chefe? quais são os critérios que levam a estas decisões???

quase que me faz lembrar a dança das cadeiras que acontece com cada mudança de governo… o factor “C” conta muito mais que a competencia profissional.

o problema é que quem tem que fazer o trabalho propriamente dito nunca é reconhecido como tal. quantas são as vezes que o dito chefe ouve algo no corredor, tem uma diarreia mental e apresenta o projecto como seu à administração… e adivinhem quem tem que fazer o trabalho e não ser reconhecido como tal? adivinharam, o coitado que contou a ideia aos colegas no corredor…

p.s. este pensamento nada tem a ver com o local onde trabalho actualmente, embora se baseie em factos reais que aconteceram a vários ex-colegas

categorias: coisas da minha mona,